© 2018 por Ergotríade Gestão de Ergonomia

  • Facebook App Icon
  • YouTube Social  Icon

Trabalhe, trabalhe, trabalhe… Mas não se esqueça que as vírgulas significam PAUSAS

July 30, 2016

COMO A TÉCNICA DO POMODORO PODE AJUDAR NAS PAUSAS NOS ESCRITÓRIOS

 

Por que, mesmo depois das empresas terem investido em mobiliário, computadores e equipamentos ergonômicos, as pessoas que trabalham em escritórios, seja em empresas ou mesmo em home offices, acabam sentindo desconfortos musculares, fadiga física e visual?

 

O escritório mais ergonômico pouco irá ajudar a prevenir esses desconfortos e fadigas se durante a jornada de trabalho não ocorrerem as tão importantes pausas.

 

As pausas são essenciais para descansarmos a mente, a vista, aliviar o estresse e evitar o acúmulo de fadiga.

 

Mas como saber qual a hora certa de parar?

Qual o melhor momento para realizar as pausas?
Quando um colega de trabalho chama para tomar aquele cafezinho?
No trabalho em home office, quando a fome bate?
Ou quando não aguentamos mais olhar para a tela do computador?

 

Tudo isso, de fato, faz você “pausar seu trabalho”, mas de uma maneira desordenada o que pode trazer prejuízos importantes à sua concentração e produtividade.

 

Então, como ordenar essas pausas para poder responder aquele grupo de Whats que não para de enviar mensagens ou tomar aquele café com seu colega de trabalho sem perder a concentração?

 

Francesco Cirillo, no final dos anos 1980, resolveu esse problema quando desenvolveu um método de gerenciamento de tempo denominado Técnica de Pomodoro.

 

A técnica utiliza um cronômetro para dividir o trabalho em períodos de 25 minutos, chamados de ‘pomodoros’, onde a cada 25 minutos você DEVE fazer uma pausa curta, de 5 minutos, e a cada 3 ou 4 ciclos pomodoros você Deve fazer uma pausa longa, de 15 a 30 minutos.

 

 

Você DEVE, obrigatoriamente a cada pausa, sair da frente do computador e fazer outras coisas para relaxar. Porém, a fim de não perder a concentração, o ideal é que as pausas curtas, de 5 minutos, sejam utilizadas somente para levantar-se, esticar o corpo, tomar água e usar o sanitário, sem envolver-se com outros assuntos ou conversas.

 

Já na pausa longa, de 15 a 30 minutos, aí sim você pode bater papo com os colegas, ver as mensagens no WhatsApp, checar as redes sociais etc.

 

Para perceber os resultados você deve seguir religiosamente os pomodoros e as pausas.

 

Para ajudar a cronometrar o tempo existem diversos aplicativos gratuítos que você pode baixar em seu smartphone ou mesmo sites que fazem a marcação dos ciclos.

 

Nós da Ergotríade adotamos essa técnica e já sentimos os resultados no aumento da concentração, na produtividade e na ausência de desconfortos musculares.

 

E ai, vamos tentar?

Vamos pra cima, juntos!!!

 

Autora: Samanta Savoy
Fisioterapeuta – Cursando Fisioterapia do Trabalho e Engenharia de Produção
Revisão: Omar Alexandre
Fisioterapeuta do Trabalho – Engenheiro de Produção

Please reload

Posts Em Destaque

A Engenharia da Ergonomia - Parte 1

September 6, 2017

1/3
Please reload

Posts Recentes