Como fazer uma apresentação incrível seguindo apenas 5 passos

July 29, 2016

Como fazer uma apresentação incrível seguindo apenas 5 passos

Nunca se comunicar bem foi tão importante como é nos dias de hoje. Graças as redes sociais somos inundados com uma enxurrada de informações e fica cada vez mais difícil concorrer com tantas fontes de diferentes tipos de mídia, tanto conteúdo.A importância parece óbvia, mas tem muito profissional que ainda não se deu conta desse fato. Tem muita gente que deixa para segundo plano os detalhes da apresentação de um novo trabalho, acreditando que o conteúdo, a qualidade é mais importante que qualquer apresentação.

 

Por melhor que seja seu produto, seja ele um bem material ou um serviço, sem uma boa apresentação os resultados ficarão a quem do que realmente se pode obter. Um exemplo disso que eu estou falando são os Keynote da Apple, a cada apresentação, que normalmente acontecem duas vezes por ano, os caras dão um show. E o mais incrível é que uma boa apresentação não requer grandes investimentos, na verdade pode não requerer nada, a não ser tempo, uma ideia criativa e alguma técnica.

 

Existem alguns ótimos especialistas na arte de falar em público no Brasil, porém não vamos nos apegar as técnicas em si, mas sim utilizar alguns conceitos da Ergonomia Cognitiva e do nosso conhecimento empírico para ajudar vocês a arrebentarem na próxima reunião de resultados.

 

Antes de irmos para os 5 passos, vamos pensar um pouco.

 

Quando eu devo pensar em desprender tempo para elaborar uma apresentação matadora?

 

Basicamente em dois momentos você tem a obrigação de se preocupar em apresentar um trabalho:

 

1) Quando for iniciar um projeto (vender a ideia)

2) Quando for entregar o projeto (validar o trabalho)

Apresentar tem a ver com criar advogados, as pessoas precisam “comprar” a tua ideia para que a coisa toda vá para frente e depois de fazer acontecer, você precisa ter certeza que tudo não vai morrer no primeiro obstáculo. E uma boa apresentação cumpre perfeitamente esse papel.Vamos aos 5 passos:Passo 1. Sua apresentação deve começar no Word e não no Power Point.

 

 

 

Eu sei que é difícil, mas antes de sair criando slides você precisa escrever um ROTEIRO. Sem uma boa história não tem apresentação. Assim como em um filme, sua apresentação precisa contar uma história. Histórias vendem, comovem, emocionam. Gaste 20% do tempo escrevendo um roteiro, 50% do tempo ensaiando 5% do tempo apresentando e 25% do tempo interagindo com a plateia. Quem gosta de monólogo vai ao teatro.

 

Passo 2. Com o roteiro em mãos, é hora de ensaiar.

 

 

 

Um dos maiores oradores de todos os tempos ficava dias ensaiando o que iria falar. Quando tinha que fazer uma apresentação, Steve Jobs passava horas e horas ensaiando um discurso matador. Para quem estava na lua nos últimos anos ou quer rever um dos maiores discursos de Steve na Universidade de Stanford no ano de 2005, vai aqui:http://youtu.be/s9E6XfJPAMM

 

Passo 3. Crie um checklist

 

 

 

Não seja surpreendido pela lei de Murphy, esteja preparado para tudo. Conheça o local, conheça seus equipamentos, conheça o público para quem você pretende falar, tenha um plano B, C e D, chegue, no mínimo, uma hora antes.

 

Passo 4. Haja com emoção baseado na razão

 

 

 

Se você fizer uma apresentação pragmática, baseada em números, por que a vida toda lhe falaram que diretores gostam de gráficos, saiba que sua apresentação tem 80% de chances de ser um saco e que as pessoas apesar de entenderem tudo o que você falou, não comprarão a tua ideia. Se tudo é tão claro e lógico assim, envie um e-mail com anexo. Se não for para emocionar as pessoas não apresente nada!

Seja amor ou ódio, você precisa provocar algo nas pessoas, se for possível unir as duas coisas, melhor ainda.

Existem mil maneiras de causar emoções, seja pela voz, pelas imagens, pelo conteúdo ou simplesmente pela forma com que você conduz a coisa. Ninguém irá lembrar dos números que você mostrou, para isso é só acessar o smartphone, as pessoas irão lembrar-se da história que você contou enquanto mostrava os números.

 

Passo 5. Faça tudo como se fosse a primeira e a última vez

 

 

 

O excesso de confiança pode ser tão ruim quanto a falta de confiança. Se você é um dos caras que costuma arrancar palmas no final de uma apresentação, saiba que sua missão é mais complicada. Não existe nada que não possa ser melhorado. É comum um profissional trabalhar anos em uma empresa onde criou uma reputação de sucesso, onde ninguém mais o critica, ir para outra empresa e ver que seu talento não é tão diferenciado assim.

Para quem estiver começando, saiba que a única garantia que você tem para fazer uma apresentação matadora é o treino. Você pode ter nascido com o dom da oratória, é preciso treino, chão, horas de voo para chegar a um alto nível. Somente se permitindo, errando e acertando é que você vai melhorar sua forma de falar em público.

 

Eu poderia escrever 500 passos para falar em público, mas não seria um post, seria um livro rsss. E como eu disse, não é essa a ideia aqui.

 

Nesse próximo dia 21/12, às vésperas do Natal, vai rolar o último Webseminário do ano.

 

 

 

Como a Ergonomia pode te ajudar a perder o medo e fazer a melhor apresentação da sua vida!

 

São 90 minutos de paulada, onde o Rodrigo Cirino irá interagir com os participantes e contar o pulo do gato de nossas apresentações.

 

Assine a Ergotríade Personal e assista essa e mais de 12 apresentações em um ano.

Se você tem alguma dica ou esse post provocou você de alguma forma, deixe um comentário no Facebook, no blog ou mande um e-mail pra gente!

É isso ai, ótimo final de semana e até sábado.

Please reload

Posts Em Destaque

A Engenharia da Ergonomia - Parte 1

September 6, 2017

1/3
Please reload

Posts Recentes