© 2018 por Ergotríade Gestão de Ergonomia

  • Facebook App Icon
  • YouTube Social  Icon

A postura ergonômica para quem gosta de correr

July 28, 2016

Keep Calm and… Corra com Ergonomia.

 

Que a corrida é uma das alternativas mais interessantes para quem deseja praticar uma atividade física, isso você já deve saber. 45 minutos de trote, num ritmo de 8 km/h, consome cerca de 500 kcal, ou seja, uma excelente quantia para quem busca perda de peso. Mas, não é só na balança que os benefícios da corrida se manifestam, o ganho de condicionamento físico e de capacidade cardiopulmonar também são muito expressivos.

 

Sem falar que correr é algo que você pode fazer em qualquer lugar, sem grandes preocupações e sem precisar mexer no bolso.

 

O que pouca gente sabe é que apesar disso tudo, correr também requer cuidados, então vamos começar com 5 dicas para quem, depois de ler esta matéria, vai se sentir tentado a vestir o tênis e sair correndo.

 

1.  Procure um médico e faça os exames necessários antes de começar. Você precisa saber se o seu coração está preparado para o esforço;

 

2. Consulte um educador físico para conhecer os exercícios de aquecimento e alongamento que ajudam você a ter mais conforto na corrida e principalmente prevenir dores e lesões;

 

3. Use roupas leves durante o exercício, como shorts ou calça de tactel e camisetas que permitam uma boa evaporação do suor (dry fit); No inverno, use também um agasalho para manter a temperatura corporal;

 

4. Adquira um bom tênis. Esse talvez seja o único gasto que você precisa ter. E não vale a pena economizar. Um bom tênis para corrida, com tecnologia de amortecimento eficiente custa a partir de R$ 250,00, o que é bem menos que uma cirurgia no joelho. Portanto, procure uma loja que ofereça vendedores com conhecimento técnico e que possam te ajudar a escolher o calçado ideal. Nós indicamos os tênis da marca Asics ou Mizuno. Além de tradicionais neste esporte, os caras investem pra caramba em pesquisas e tecnologia.

 

5. Corra com a postura ergonômica. Epa!!! Você não sabe qual é a postura mais ergonômica para correr? Então se liga!

 

A postura ergonômica para quem corre:

 

– O tronco deve ficar ligeiramente inclinado para frente, algo entre 10º e 20º. Nunca inclinado para os lados ou para trás.

– A cabeça deve ser mantida numa posição neutra. Ou seja, você deve correr olhando para frente, para o horizonte, nem para baixo, muito menos para cima.

– Os antebraços devem ser mantidos flexionados entre 60º e 100º. Ou seja, devem ficar próximos do ângulo reto (90º), nem esticados, nem muito dobrados.

– Os cotovelos devem passar, no movimento de vai e vem (para frente e para trás), bem próximos do quadril. Ou seja, não se deve correr com os braços afastados lateralmente do corpo.

– No momento da aterrissagem (quando os pés tocam o chão) o ombro, o quadril e o tornozelo devem estar alinhados.

– A pisada deve ser o mais silenciosa possível, bem suave, sem que você escorregue para frente ou arraste os pés.

– A perna de trás deve ser flexionada o mais rápido possível. Pois, caso contrário, pode provocar a inclinação do tronco além de favorecer a aterrissagem sobre o calcanhar, o que não é adequado.

 

 

 

– Em relação a sua pisada, saiba que há 3 formas do pé tocar o chão. A mais comum delas, sobretudo entre as mulheres, é a pronada, que é aquela em que o pé toca o chão primeiro com a parte de dentro. A pisadaneutra é a mais correta, pois distribui melhor a pressão nos joelhos e nos quadris, é a pisada em que o pé toca o chão pela parte central, sem desvios laterais. Por último, vem a menos comum, que á supinada, pisada em que o pé toca o chão primeiro com a parte de fora.

 

 

 

 

O mais importante é saber que cada pessoa tem um tipo de pisada e que os testes caseiros não são confiáveis, sobretudo aqueles que dizem para se observar o desgaste da sola do tênis. Pois, independente do tipo de pisada, o tênis sempre inicia o desgaste a partir do lado de fora do calcanhar.

 

As melhores lojas de artigos esportivos possuem testes gratuitos para atestar qual o seu tipo de pisada. Procure uma dessas lojas, faça o teste e compre um tênis adequado para o seu tipo, eles são projetados para compensar o desvio natural e, logicamente, prevenir lesões e proporcionar mais conforto.

 

Agora que você já conhece um pouco da ergonomia por trás da corrida, que tal começar?  Você vai descobrir que correr vicia, acalma e faz um bem enorme para o corpo e para a mente.

 

Vamos nessa?

 

Dica extra:

 

Para quem já corre e possui um smartphone, vale a pena baixar o aplicativo Nike+ Running. Ele é gratuito e permite que você marque a distância, a velocidade, o ritmo, as calorias consumidas, além de fornecer informações on-line sobre o trajeto e muito mais. É show de bola para manter um histórico e incentivar você a continuar e evoluir cada vez mais. Em breve vamos resenhar as funcionalidades em nosso blog.

 

 

 

Please reload

Posts Em Destaque

A Engenharia da Ergonomia - Parte 1

September 6, 2017

1/3
Please reload

Posts Recentes